Carregando...
JusBrasil - Política
16 de abril de 2014

Vacinação contra influenza A (H1N1)

Publicado por Prefeitura Municipal de Criciúma (extraído pelo JusBrasil) - 4 anos atrás

LEIAM 0 NÃO LEIAM

A partir do dia 8 de março as unidades de saúde do Município estarão realizando a vacinação contra a influenza A (H1N1). Por questões de prioridades, foram definidos grupos a serem vacinados (são os que apresentam maior risco de desenvolver doença grave ou vir a óbito): profissionais da saúde, suspeitos de serem portadores do vírus A (H1N1), população indígena aldeada, gestantes, população com doenças crônicas de base, crianças saudáveis na idade entre 6 meses e 23 meses de idade e adultos saudáveis na idade entre 20 anos e 29 anos.

De acordo com o secretário do sistema da Saúde, Silvio Ávila Junior, essa medida é para evitar uma possível segunda onda do vírus. "Em especial, queremos impedir que seja gerado pânico, caso exista manifestação da gripe A", ressaltou Junior.

A vigilância Epidemiológica está em processo de organização para a aplicação das vacinas. Até hoje (22), deverá ser entregue, na vigilância, o cadastro para identificação dos funcionários a serem vacinados. "Sem o cadastro não serão oferecidas as vacinas para aplicação nos profissionais", enfatizou o secretário.

As estratégias das operações foram definidas pelo ministério da Saúde. O objetivo dessa vacinação é manter o funcionamento dos serviços de saúde envolvidos na resposta à pandemia e diminuir a morbimortalidade associada ao vírus.

A vacina não é a única medida preventiva. As pessoas precisam ficar antenadas quanto à higiene pessoal. Continuar lavando as mãos com álcool em gel é uma medida importante.

No ano passado a pandemia provocou a suspensão das aulas em todos os estabelecimentos escolares de Criciúma. O prefeito Salvaro, inclusive, determinou a instalação de um hospital de campanha, para o serviço de triagem, o qual atendeu milhares de pessoas.

Confira as etapas da vacinação:

Etapa 1 (de 8 a 19 de março)

- Trabalhadores lotados nos serviços de saúde e população indígena aldeada.

Etapa 2 (de 22 de março a 2 de abril)

- Gestantes;

- População com doenças crônicas de base (exceto os idosos com mais de 60 anos);

- 1ª dose para crianças saudáveis na idade entre 6 meses e 23 meses de idade (segunda dose 21 dias após a primeira dose).

Etapa 3 (de 5 a 23 de abril)

- População de 20 a 29 anos e continuação da vacina em gestantes.

Etapa 4 (de 24 de abril a 7 de maio)

- População de mais de 60 anos com doenças crônicas de base com a vacina contra influenza A (H1N1) e continuação da vacina em gestantes;

- População de 60 anos e mais com vacina sazonal (campanha anual).

Diretoria Executiva de Comunicação

0 Comentários

Faça um comentário construtivo abaixo e ganhe votos da comunidade!

Atenção, mais de 20% do seu comentário está em letra maiúscula.

ou

Disponível em: http://pref-criciuma.jusbrasil.com.br/politica/4579279/vacinacao-contra-influenza-a-h1n1